BRASIL FIRME NA LUTA POR MEDALHA NA RETA FINAL DO MUNDIAL JOVEM DE KITE

Manoel Piçarrinha segue na vice-liderança na competição em Barra Grande. Evento termina nesta sexta-feira, dia 1º

Vídeos para uso editorial (crédito Be The Guest/CBVela)

https://we.tl/Zh8XIpuqeT

Manoel Piçarrinha – Crédito André Hanni/ CBVela

O Campeonato Mundial Jovem de Kiteboarding entra na reta final em Barra Grande, no Piauí, e o Brasil segue firme na luta por uma medalha. O piauiense Manoel Piçarrinha, de 17 anos, se mantém na vice-liderança, com 13 pontos perdidos, atrás apenas do americano Cameron Maramenides, que lidera com 6 pontos perdidos. A competição termina nesta sexta-feira, dia 1º, com regatas a partir de 12h (de Brasília).

Até agora já foram completadas sete baterias, e o campeonato prossegue nesta quinta-feira. O Mundial Jovem de Kite é disputado na classe TT:R (TwinTip Racing), com regatas no formato slalom em que os competidores fazem as técnicas do kiteboarding passando pelos obstáculos do percurso. É possível acompanhar os resultados e pontuações no site http://twintipracing.com/.

No feminino, uma brasileirinha de apenas 13 anos também está fazendo bonito em Barra Grande. A jovem revelação Maria Beatriz está na décima colocação, com 43 pontos perdidos. Quem lidera a competição feminina é a italiana Sofia Tomasoni, com 7 pontos perdidos.

O Mundial Jovem de Kiteboarding é classificatório para os países da América do Sul para os Jogos Olímpicos da Juventude — o melhor velejador brasileiro no masculino e a melhor velejadora brasileira no feminino serão os representantes do país em Buenos Aires 2018.